Seguidores

Páginas

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

SACUDINDO A VIDA








SACUDINDO A VIDA

A estrada parece tão curta para quem tem cede de viver,
Os dias são tão corridos e há tanto por fazer,
Nem sobra tempo o tempo é agora tenho que correr,
Em busca dos sonhos dos planos a se valer,
Dos objetivos traçados sem desespero sem temer.

Nem o cansaço nem a preguiça irão me abater,
O abraço apertado o beijo roubado é que vou obter,
Nada igual como ontem o passado não irei reaver,
Nem a paranóia dos insanos irão me deter,
Pois não vou deixar um rótulo me entristecer.

Já me sinto mais forte para reconhecer,
Das armadilhas do amor posso me desprender,
Sou livre para poder escolher,
A quem me mereça a me satisfazer,
E sei que muito ainda vou surpreender.

A qualquer obstáculo posso vencer,
Porque só de ternura vou enlouquecer,
Bagunçar minha vida estremecer,
Sacudir o coração que adormecer,
Com todo meu fiel comprazer.

HEIDY

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Que alegria em receber seu comentário!!!