Seguidores

Páginas

domingo, 29 de maio de 2011

SEMENTE MAL PLANTADA








SEMENTE MAL PLANTADA

Encharquei de mais a semente ,
O broto não cresceu resistente,
As folhas amarelaram-se lentamente,
Mesmo assim fui persistente,
Regando um caule doente.
Queria um arbusto frondoso,
Forte firme pretensioso,
Com um fruto de amor saboroso,
Que cresceria virtuoso ,poderoso.
Os galhos se envergam vagarosamente,
Minguando-se independentemente,
Secando aos poucos indiferente,
Sem sentido plantado inutilmente.
Encharquei de mais a semente,
O apego  se tornou ausente,
Não há mais motivos para ser persistente,
A árvore morre infelizmente.
HEIDY

3 comentários:

  1. Olá querida..

    Vim através do site Espaço Literário e adorei seu blog. Amei tudo que li aqui. Voltarei sempre que puder...

    Se quiser, dá uma passadinha no meu também... Quem sabe não gosta e fica (segue)....  E com certeza retribuirei a gentileza.

    http://cristalssp.blogspot.com

    Beijos 
    Ani

    ResponderExcluir
  2. Heidyamiga

    Eu sou mais para a prosa, mas também gosto de poesia. E, por vezes, até me dou à maluqueira de rimar. Nas quadras mais ou menos quadradas, arrisco-me...

    Tu falas de uma semente
    cada um sente o que sente;
    mas sabes perfeitamente
    que o coração não nos mente...

    Qjs = queijinhos = beijinhos

    Gostarei de te ver lá na Travessa, tá?

    ResponderExcluir
  3. Muito linda mesmo sua poesia, parabéns e tudo de bom pra você, beijos.

    ResponderExcluir

Que alegria em receber seu comentário!!!