Seguidores

Páginas

sábado, 21 de abril de 2012

AURORA IMAGINÁVEL






AURORA  IMAGINÁVEL

Depois que a alma se vai,
E o espírito evapora,
De nada vale as lamurias,
A sua lagrima rola,
Sem sentido, em demora.
Se for para expressar o amor,
Então que seja agora,
De nada vale o seu sofrer,
Depois que se foi embora.
Teve o tempo que o tempo deu,
Tevês os dias teve a hora,
É sua culpa se escondeu,
E a que ficou vivendo e acordou agora.
Ficou tarde ficou escuro,
Virei uma grande aurora,
Imagem de um pensamento,
Que em meu coração mora.

HEIDY

2 comentários:

  1. Sempre muito lindos seus versos.Beijos

    ResponderExcluir
  2. Olá Linda!!
    Saudades...
    Lindas e belas palavras...Seu grafar é lindo.
    Bjs da Mila!

    ResponderExcluir

Que alegria em receber seu comentário!!!